5.10.07

Duas Caras: novela ataca Quilombolas

"Zelosa guardiã da cultura afro-descendente, é mãe-de-santo de um terreiro na Portelinha e ama os filhos Zé da Feira e Ezequiel. Por isto, luta contra o alcoolismo do primeiro e sofre por ter sua religião renegada pelo segundo. Muito respeitada na comunidade, principalmente por Juvenal Antena, está também sempre preocupara com a saúde espiritual de seu povo".

Assim a personagem de Chica Xavier, Dona Setembrina é apresentada pela TV Globo na página da novela Duas Caras.

Com sua audiência abalada neste inicio, começou a série de apelações e baixarias atacando o alvo preferencial dos covardes defensores do capital e de seus interesses pelas terras nas quais foram os algozes e fonte de enriquecimento à custa da escravidão negra e da qual são os seus sucessores.

No capitulo de 5/10, Dona Setembrina após 'abençoar', saudando Xangô, ao "protetor daquela gente" o populista e 'paizinho' da primeira presonagem negra em cena, Juvenal Antena personagem de Antonio Fagundes. Na cena seguinte, quando chega a informação da invasão patrocinada pelo Juvenal Antena junto aos vendedores do terreno, o personagem exclama: "a invasão vai demorar mil anos na justiça se eles declararem que são descendentes de quilombolas".

Deste modo a TV Globo mais uma vez promove um ataque ao direito à terra. Não é por pouco que se deve rever as concessões públicas para as empresas que atentam continuamente contra a dignidade e direitos da população. por outro lado, aumenta a responsabilidade de se fortalecer a rede pública de televisão para um correto tratamento das questões que envolvem a população negra.

Um comentário:

Marcelo Claudino Henrique disse...

Estou de volta amigo. Gostei dessa postagem!
Abraços.

Ia me esquecendo, coloquei o Atabaque para ser visualizado no Labirintobrasil.blogspot.com

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails