13.2.08

Que movimento negro é esse?

Conheça o atual movimento negro, para onde ele pode ir e o que ele quer.

Histórias do movimento negro no Brasil
depoimentos ao CPDOC

Verena Alberti e Amilcar Araujo Pereira
Ed. Pallas -1a edição - RJ - 528 páginas

Este livro é resultado de uma pesquisa desenvolvida entre 2003 e 2007 no Centro de Pesquisa e Documentação de História Contemporânea do Brasil (CPDOC) da Fundação Getulio Vargas, com o objetivo de formar um banco de entrevistas com lideranças do movimento negro no Brasil a partir das décadas de 1970 e 1980 em todas as regiões do país. Histórias como a da criação do Grupo Palmares, no Rio Grande do Sul, em 1971, a da fundação do primeiro bloco afro na Bahia, o Ilê Aiyê, em 1974, assim como a da formação do Centro de Estudos e Defesa do Negro do Pará, em 1980, por exemplo, estão, pela primeira vez, lado a lado com histórias de organizações criadas no Rio de Janeiro e em São Paulo. Não se trata das primeiras organizações de movimento negro da história do país, como mostram as inúmeras notas e a cronologia que completa o livro, mas daquelas que surgiram em pleno regime militar e se proliferaram a partir do lento processo de Abertura política, e numa conjuntura internacional na qual ganhavam força as lutas pela libertação das colônias portuguesas na África e as repercussões dos movimentos pelos direitos civis nos EUA. Além da trajetória do movimento e das experiências de algumas de suas principais lideranças, o livro discute temas com grande visibilidade atual, como a implementação de políticas de ação afirmativa, incluindo as cotas nas universidades, o reconhecimento da propriedade de terras de “quilombos” e a participação de militantes em diferentes instâncias do poder público. (Aba do livro)

Onde comprar e comparação de preços clique aqui, no título do livro ou na capa.

2 comentários:

romao disse...

estou curiosissimo
vou pedir ao meu irmao pra comprar e me mandar.
O Amilcar é filho do Amauri?
romao

Leonardo Cabral disse...

Oi José Ricardo;

Obrigado pela visita e pelo comentário lá no Arsenal Digital. Fico feliz que tenha conseguido ajudar voc6e com minha dica de como retirar a navbar do blogger.

Passe sempre por lá. Vou escrever vários artigos sobre monetização, Adsense entre outras coisas.

Parabéns pelo seu blog também. Muito bem escrito e o assunto muito é interessante

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails